[LIVRO] O Colecionador de Peles

O Colecionador de Peles
Autor: Jeffery Deaver
Editora: Record
Páginas: 490
Onde comprar: Amazon | Submarino  
 Um novo tipo de serial killer espreita pelas ruas de Nova York - uma mente doentia e perturbadora. Ele é chamado de O Colecionador de Peles: um tatuador que arrasta seus alvos para o subterrâneo da cidade onde pode realizar seu trabalho sem interrupções. Convocados para investigar o caso, o detetive do Departamento de Polícia de Nova York Lincoln Rhyme e sua parceira Amelia Sachs só contam com as mensagens criptografadas na pele das vítimas como ponto de partida. 


  Se existem três coisas que eu amo nessa vida, elas são: livros, tatuagem e thrillers policiais com serial killers. Imagine então um livro sobre um serial killer cujo modus operandi é fazer tatuagens em suas vítimas usando venenos letais ao invés de tinta. Imagine agora que o responsável por caçar esse serial killer é um investigador tetraplégico brilhante e sua parceira, eternizados no cinema por Denzel Washington e Angelina Jolie no filme O Colecionador de Ossos (Phillip Noice, 1999). Quando encontrei esse livro nos meus passeios pela internet, tive que comprar na hora! E não me arrependi nem um pouquinho.

 Billy Haven é um jovem antissocial e artista talentoso. Sua obsessão por pele humana o leva a profissão de tatuador e, posteriormente, assassinar pessoas (predominantemente mulheres) com uma tatuagem mortal de veneno, todos derivados de plantas facilmente encontradas nos EUA e que ele cultiva em sua própria casa. A cada tatuagem, um fragmento de mensagem aparentemente indecifrável. Lincoln Rhyme e sua equipe correm contra o tempo para traçar o perfil psicológico (adoro isso!) e chegar até o assassino antes que ele faça novas vítimas.

 No início da leitura, estranhei bastante o fato de ser "apresentada" ao assassino logo de cara e não encontrar aquele clima de mistério com vários suspeitos em potencial. No entanto, esse estranhamento passou rápido, na medida em que fui me aprofundando no enredo. Billy Haven é um personagem bem construído, obscuro e muito inteligente. Passei grande parte do tempo tentando descobrir quais eram suas motivações (sem sucesso), pois estava claro que ele não era um criminoso desorganizado, agindo meramente por impulso.

 Lincoln Rhyme, Amelia Sachs e todos os envolvidos na investigação são, igualmente, fantásticos! Todos super empenhados para resolver o quebra-cabeça das mensagens deixadas por Billy, ao mesmo tempo que esbarram em outros fatos e casos aparentemente aleatórios. Quando a caçada vertiginosa culmina com a captura do provável assassino e, finalmente, pensei que tudo seria resolvido e todos viveriam felizes para sempre, Deaver sambou na minha cara BONITO e a história deu um plot twist totalmente inesperado! O desfecho foi sensacional, maravilhosamente construído sem deixar uma única pontinha solta no emaranhado de acontecimentos, e as razões pelas quais Billy faz o que faz são bem mais profundas do que eu podia imaginar.


 Esse livro é o volume 11 da série sobre Rhyme. Trata-se de uma continuação, porém, eu que nunca havia lido nada do autor (agora viciei), consegui acompanhar a trama tranquilamente - com alguns spoilers dos livros anteriores.

 Recomendo muitíssimo essa leitura, que foi tão frenética a ponto de eu nem ver passar as quase 500 páginas do livro, que merece ser favoritado! E você, o quê está esperando?! 

 

10 comentários:

  1. Leio poucos livros desse gênero, mas estou mudando um pouco. Quero ler genero diferentes agora e depois da sua resenha esse livro vai para minha listinha. Bjs

    floresecencia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu simplesmente AMO esses thrillers com assassinos seriais! Esse é especialmente bem construído, viu. Gostei demais.
      Beijos!

      Excluir
  2. Aiin que enredo mais legal! Eu amooo esse gênero policial, mas ainda não tinha conhecido o autor nem o livro. Já irei colocar na minha lista.

    *Beijokas -Hellen Barros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloque sim, Hellen! Se você já curte o gênero, vai ficar doidinha por ele.
      Beijos!

      Excluir
  3. Oi!!! Adoro esse tipo de livro e sua resenha despertou minha curiosidade, parece ser bem legal!

    Grande beijo
    eventualobradeficcao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Fê,
    Te marquei em uma TAG: https://ohmylivros.wordpress.com/2016/08/04/tag-esse-ou-esse/
    Beijos,
    Rafa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pela indicação, Rafa!
      Super beijo pra você. ;)

      Excluir
  5. Eu adoro livros de mistério e de investigação, mas não tinha ouvido falar desse ainda. Além de ter gostado da sinopse, saber que ele não deixa pontas soltas me deixou mais vontade ainda de ler, porque nada pior que ler o livro inteiro pra descobrir que no final ele deixa coisas em aberto ou não desvendam o mistério de forma apropriada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! Eu fico super frustrada quando o livro acaba e eu fico com dúvidas sobre o enredo ou algo se perde pelo caminho. Isso, definitivamente, não acontece nesse caso. Leia e não vai se arrepender!

      Excluir