Sobre Diversão e Obrigação


Então eu fiquei três meses sem aparecer por aqui. Em partes, devido a correria faculdade-trabalho-casa, mas esse não foi o único motivo, pois acredito que eu conseguiria encontrar um tempinho para o blog se eu realmente quisesse e, além disso, estive o mês de julho inteiro de férias e não produzi nada (apesar de continuar lendo e vendo séries como sempre)... Mas então, o que aconteceu? Vem comigo que eu explico!
  
 Quando criei o blog, meu objetivo era manter um registro e, ao mesmo tempo, compartilhar com quem tivesse interesse meu gosto pela leitura e demais formas de entretenimento. Sempre gostei de escrever e sinto prazer em comentar coisas que fazem parte da minha vida. O problema, que na verdade é algo - percebi mais tarde - intrínseco ao mundo blogueiro, é a necessidade de buscar seguidores, likes e etc... Claro que popularidade é muito legal, e quanto mais pessoas os meus posts atingirem, melhor! Porém, essa necessidade acabou se tornando uma parte muito grande desse cantinho. Notei que muitas pessoas me visitavam apenas para conseguir mais um seguidor e nem ao menos prestavam atenção no que eu estava dizendo. Não era algo sincero... Não tinha verdade ali.

 Por outro lado, algumas pessoas me acompanharam desde o início (como a Bella, do blog Me Chama de Bella e a Lê Sobrinho) e percebia que estavam de fato interessadas no conteúdo do blog. O que eu mais gostava por aqui era ver um comentário interessante, uma opinião autêntica. Enfim...
 Não vou me eximir da culpa. Eu, quando vi como funcionava essa dinâmica de conquistar seguidores, comecei a fazer o mesmo. Visitava vários blogs com o objetivo de deixar comentários e linkar minha página, só que essa tarefa passou a ocupar muito espaço. Eu passava mais tempo retribuindo comentários e curtidas do que fazendo o que me propus a fazer quando criei um blog: escrever sobre livros, me divertir. Estava desanimada e entediada com tudo aquilo.

  
 No entanto, ultimamente senti muita saudade daqui. Me dediquei tanto aos posts, ao layout e tudo que construí no blog nos breves 4 meses que fiquei ativa que esse cantinho passou a fazer parte da minha vida, e a vontade de voltar a escrever bateu forte, mas antes, resolvi compartilhar com vocês meus sentimentos, o porquê do meu sumiço e como vou resolver esse dilema.
 Sei que visitar outros blogs é muito importante, e eu gosto muito de fazer isso! Porém, a partir de agora, vou ser sincera em tudo que fizer. Não vou mais me impor prazos nem tentar transpor meus limites, vou visitar outros blogs, porém só deixarei comentários e seguirei aqueles que eu realmente me interessar e não farei disso meu principal objetivo. Vou escrever por prazer, por mim e para aqueles que querem de verdade perder alguns minutinhos de seu dia para ler essas palavras.

 Por conta das aulas e de vários trabalhos, não consegui ler tanto quanto gostaria nesse semestre que está chegando ao fim, e provavelmente não conseguirei no próximo também! Mas com certeza virei compartilhar tudo que puder...

 Até mais, e obrigada pelos peixes! ;) 

8 comentários:

  1. Que bom que você vai voltar! :)
    Quando uma coisa prazerosa se torna obrigação começa a ficar chato mesmo. Às vezes penso que teria sido legal ter feito letras, mas acho que talvez me decepcionasse pela obrigação de ter que ler determinado livro em determinado momento.
    Beijos, bom início de semestre! Por sinal, vi teu insta e gostei do projeto do sabonete, ficou massa.
    Rafa (ohmylivros)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Letras é muito legal, mas precisa gostar. Estava muito maçante pra mim, por isso mudei de curso! Hehehehehhe.
      Obrigada, Rafa! Você é uma fofa.
      Muitos beijinhos.

      Excluir
  2. Boa noite, Fê!

    Olha, adorei seu texto, e realmente o que mais vemos por aí, são as "necessidades de likes" e os comentários "vazios".

    Fico feliz com a sua volta! Teu blog é lindoo, suas postagens um amorzinho e eu super me identifiquei com você!

    Beijocas,
    Rebeca Grauer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa, muito obrigada, Rebeca! Fiquei super feliz com seu comentário. Volte sempre que quiser.
      Um beijão!

      Excluir
  3. Ah, como eu entendo tudo isso que você disse, Fê.
    Acho que você já me acompanhava quando escrevi um texto falando sobre essa chatice que é "Segue, que eu sigo de volta". E o pior é que não é só na blogsfera que as coisas funcionam assim, é em todo lugar. Instagram, Twitter, Facebook. Grande parte das pessoas só quer saber de números, não interessa se das 3.000 pessoas que curtiram sua foto, só 10 realmente gostaram, o importante é ter números, números e mais números. Foi por causa disso que eu já tentei sair da internet várias vezes. Mas aí eu sempre pensava: e as pessoas que realmente gostam de mim e do que eu escrevo? É injusto com eles e eu amo tanto essa interação positiva, que vai além dos "likes". Também dei uma pausa e to recomeçando com o blog (mais uma vez), só que dessa vez só algumas pessoas vão receber o link do novo cantinho. Prefiro 5 sinceros do que 500 só querendo status. Logo, logo te passo o link novo.
    Fiquei feliz em te ver voltar e pode ter certeza que o Baseado em livros é um lugar especial pra mim.
    Beijão <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Lê! Eu realmente fiquei bastante desanimada com essa pressão por seguidores e pela obrigação de fazer média em vários blogs. O objetivo de fazer algo por prazer acaba se perdendo no meio disso tudo. Eu já te acompanhava quando você postou esse texto sim, mas fico feliz que esteja recomeçando (e não vejo a hora de receber o link).
      Muitos beijinhos pra você.

      Excluir
  4. oioi! Eu realmente adoro seu cantinho... só hoje encontrei esse texto e pude ver que compartilho da mesma opinião.. a verdade é que dá preguiça de comentar coisas somente com a intenção de conseguir chamar atenção para nossa página. Confesso que quando posto algo sinto aquela esperança de ter várias visualizações e que aquilo bombe de comentários, mas isso se justifica pelo fato de escrevermos com carinho e desejarmos passar aquilo para o máximo de pessoas. O fato é que deixa de ser divertido quando torna-se obrigação, justamente isso que voce escreveu! Obrigada por compartilhar algo que muitas de nós blogueiras sentimos e parabéns pelo blog.. não desista, quem gosta de verdade do seu cantinho sempre irá voltar!

    Beijinho
    Roberta
    eventualobradeficcao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rô! Nossa, você disse tudo! Ficamos com aquela esperança das postagens bombarem porque escrevemos com carinho, mas é bem chato ficar barganhando comentários e seguidores. Como a Letícia disse lá em cima, sinceridade é tudo, né? De que adiantam centenas de comentários vazios de pessoas que nem ao menos se deram ao trabalho de ler sua postagem... Enfim, fico muito feliz que você goste de verdade desse espaço.
      Beijocas!

      Excluir