[DEVANEIOS] Idas e Vindas Acadêmicas

 Quando eu tinha 17 anos, saindo do ensino médio, prestei o vestibular para Ciências Sociais na Fuvest e filosofia no Mackenzie (São Paulo). Passei em filosofia e fui feliz da vida para a faculdade. Não sei se por ser muito jovem ou devido ao deslumbramento pela recém adquirida liberdade, mas o fato é que aquele foi o ano mais louco da minha vida...
  
 O bar da esquina era minha sala de aula e quase nunca estava sóbria. Misteriosamente, costumava tirar boas notas mas acabava reprovada por faltas. Tranquei o curso e a vida seguiu, coisas muito boas aconteceram. Me casei, tive uma filha, consegui um emprego maravilhoso do qual não pretendo sair e, em 2012, resolvi fazer cursinho e começar tudo de novo.
 Dessa vez, decidi prestar Letras pela Fuvest e tentar a USP novamente. Consegui passar e nunca vou esquecer a alegria de ver meu nome na lista de aprovados em uma universidade tão reconhecida. Comecei a frequentar a universidade muito animada! Estava confiante de que conseguiria me formar e ser feliz para sempre. Doce ilusão...

 O primeiro ano foi tranquilo. Fechei os dois semestres com ótimas médias mas o academicismo exagerado me incomodava bastante. No terceiro semestre, tornou-se mais difícil conciliar os estudos com filha, marido, trabalho e etc. Fora isso, passei a me questionar sobre os motivos pelos quais estava naquele curso. Nunca quis dar aula, tampouco ser tradutora, revisora ou qualquer coisa do tipo. Sempre gostei muito de literatura mas não conseguia mais ler os livros que gostava, o que antes era um prazer estava se tornando um fardo. Também detestava os aspectos técnicos do curso. Linguística, fonética, fonologia, morfologia... Ugh! Aquilo não era pra mim.

 Percebi que era hora de mudar de curso e de faculdade, então me inscrevi para o vestibular de Design de Interiores da FMU. Lendo mais sobre o curso, percebi que não teria tempo para as atividades extras exigidas e, como ainda estava matriculada na USP, pedi transferência para o curso de fotografia na mesma faculdade.

 Dessa vez ia dar certo! Entreguei toda a documentação, fiz a matrícula e... comecei a me questionar sobre o que faria com essa formação. Amo fotografia mas tenho pavor só de pensar em fotografar casamentos, formaturas e eventos em geral. Gosto de natureza, de ar livre, da beleza cotidiana. Não via necessidade de um curso universitário para fotografar o que eu queria. Resultado: antes de ser tarde demais, solicitei uma mudança de curso e amanhã começam minhas aulas de Design Gráfico.


  Sempre fui assim. Indecisa, inconstante, instável. Quero tudo, quero o mundo e no fim das contas não consigo concluir nada, ainda. Não vou mais alimentar grandes expectativas, tampouco a certeza de terminar esse curso pois não sei qual será minha vontade nos próximos cinco minutos.

 Apenas vou aproveitar a oportunidade e seguir tentando me encontrar, se não nesse, em qualquer outro lugar...

Beijinhos, me desejem boa sorte!

8 comentários:

  1. Nossa, que confusão kkkk desculpa rir, mas nossa, pensei que eu era indecisa, você superou, minha história de indecisão é menor já que depois de largar a primeira universidade eu ainda não tentei realmente outra (fiz enem e tal, mas sem levar muito a sério), uns anos depois do ensino médico eu passei numa universidade federal e foi tipo "Uau", mas eu não sabia que curso escolher e escolhi o mesmo que minha amiga... O resultado foi que não deu certo, eu comecei a faltar e depois parei de ir, não cheguei a terminar o segundo período, tô no segundo trabalho depois disso, não é nenhum emprego maravilhoso, mas serve enquanto não tenho nada melhor pra fazer, eu queria muito voltar pra facul, mas antes preciso saber que curso quero e NÃO SEI, isso é um tormento, sempre escutei que uma hora eu iria saber, mas essa hora não chega :( me acho anormal kkkkk

    Parabéns pelas coisas boas que aconteceram e te desejo boa sorte pras próximas, espero que dê certo dessa vez!

    Portas de Papel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pela força, Vih! Também estou torcendo pra que dessa vez dê tudo certo.
      Um Beijo!

      Excluir
  2. Menina, tu é mesmo indecisa, hein? Hahahaha
    Eu ainda não estou nessa fase de faculdade, mas sou indecisa também, mas com diversas outras coisas, principalmente com coisas relacionadas ao blog. Já perdi as contas de quantas edições eu fiz nos posts por querer um "padrão" haha foi incrível quando eu vi que, não, não é necessário um blog ter um padrão, e, sério, tudo bem ter um ou dois (ou vários) antigos que eu sei que não são tão bons, isso mostra o quanto evoluímos.
    Te desejo muita sorte e força para tomar suas decisões, viu?

    Abraço,
    omundodemis.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Mi. Essa vida de indecisa é um saco, né? Muito obrigada.
      Beijão!

      Excluir
  3. Eu definitivamente me vi em você, hahaha. A indecisão é um traço da minha personalidade e como isso é desgastante, não?
    Não sei quantas vezes mudei de ideia durante o ensino médio. Já quis Artes Cênicas, Música, Jornalismo, Fotografia, pensei até em Enfermagem, mas acho que agora encontrei meu caminho. Acho, hahaha.
    Um dia a gente se encontra em uma profissão. Tenho certeza disso. ;)
    Boa sorte nessa nova escolha, Fê!
    Beijão.
    ps: o layout novo ta a coisa mais linda <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você disse tudo, é muito desgastante. Perdemos tempo, perdemos dinheiro, perdemos o ânimo... mas eu acredito, sim, que no final tudo vai dar certo.
      Boa sorte pra todas nós!
      Beijos.

      Excluir