[SÉRIE] Masters of Sex

"Adaptação de Michelle Ashford do livro não ficcional Masters of Sex: The Life and Times of William Masters and Virginia Johnson, de Thomas Maier. A história narra a vida e o trabalho de William Masters (Michael Sheen) e Virginia Johnson (Lizzy Caplan), cientistas que realizaram nos anos de 1950 uma pesquisa sobre o comportamento sexual do ser humano."

 Comecei assistir essa série por acaso. Meu marido tinha visto alguns episódios e me disse que era legal, então comecei a ver e gostei muito do tema e como ele é abordado. O fato de ser baseado em fatos verídicos é muito interessante, pois nos mostra os percalços que precisaram ser transpostos para que a sociedade entendesse melhor os mecanismos da sexualidade. As pesquisas de Willian Masters e Virginia Johnson revolucionaram o modo como sexo era encarado nos anos 50. Causaram um certo furor na comunidade científica e foram extremamente criticados pela natureza e metodologia de suas pesquisas. Toda a dinâmica da série gira em torno dessa pesquisa.
 
 Masters se aproveita de seu prestígio como ginecologista na Universidade de St. Louis para dirigir o estudo, no qual voluntários praticam sexo enquanto ele faz medições e anotações. A primeira dificuldade enfrentada é como conseguir esses voluntários, tanto que no início tudo é realizado num bordel.

 Ao contrário do que possa parecer, Masters é um homem completamente "travado" em relação à sexo. A convivência com sua esposa Libby (Caitlin Fitzgerald) é um fiasco, nas primeiras temporadas ela é o estereótipo de mulher dona de casa e submissa que vive para servir ao marido, que carrega alguns traumas de infância relacionados ao pai e trata todos os seus "objetos" de pesquisa de modo frio e distante, preocupado apenas com o aspecto científico e físico e deixando de lado o âmbito psicológico, sentimental que envolve a prática sexual.
 
 Nesse ponto reside a importância de Virginia, uma jovem divorciada, mãe de um casal de
Virginia Johnson e William Masters "reais"
crianças pequenas que luta pelo sustento da família enquanto assiste aulas de psicologia (é a única mulher da turma e tem um desempenho superior ao dos colegas). Virginia candidata-se à vaga de secretária de Masters mas logo se destaca pela perspicácia, interesse e, principalmente, pela facilidade e humanidade com o trato aos voluntários, que sentem-se mais a vontade na presença dela. Em relação a sexo, Virginia tem um comportamento e mentalidade muito diferentes da maioria das pessoas de sua época. Ela busca seu próprio prazer e não tem vergonha disso, não trata a sexualidade como um ato sagrado destinado apenas a procriação e nem reservado ao matrimônio. Isso acaba por assustar e intimidar alguns homens com que se relaciona e deixa William Masters intrigado. É minha personagem preferida na série, bem como Betty, uma prostituta que eles conheceram no bordel no qual os estudos eram realizados e que têm um crescimento incrível ao longo das temporadas, além de ser um elemento cômico em muitos momentos.

  Outro ponto de destaque são os diversos arcos paralelos envolvendo os demais personagens. Temos Barton (Beau Bridges), um respeitado médico e reitor da universidade em que Masters trabalha, que é gay mas esconde esse fato com um casamento de fachada, enganando sua mulher enquanto se encontra às escondidas com diversos homens. A própria Betty (Annaleigh Ashford), que apesar de ser lésbica sonha com um casamento tradicional com a expectativa de tornar-se uma mulher respeitável. Os filhos de Virginia, que sentem o tempo todo a ausência da mãe e, mais tarde, acabam julgando-a por suas escolhas e seu comportamento. Enfim... a série tem diversos aspectos muito positivos que prendem nossa atenção do começo ao fim.

 Se você se interessou pela série na expectativa de ver várias cenas de sexo tórrido e selvagem, desista! O assunto é tratado com muita seriedade, como é próprio de um estudo científico - apesar do romance entre William e Virginia, um ponto bastante dramático da trama - e não tem nada do erotismo que alguns podem imaginar. As cenas são extremamente bem feitas, assim como a caracterização do ambiente e dos personagens. Muito recomendada!

Ficha Técnica
Status: Renovada. 4ª temporada.
Início: 2013
País: EUA
Gênero: Drama
Emissora: HBO (Brasil), Showtime (EUA)

 

 

11 comentários:

  1. oi, oi.

    eu curto todo tipo de história que é baseado em fatos reais, porque, sei lá, o seriado/filme/livre fica bem mais interessante. quando é bem escrito/dirigido, a coisa fica ainda melhor.

    não conhecia esse seriado, mas a tua resenha me convenceu, viu?! parece ser ótimo!

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece não, ele É ótimo! Assista que não vai se arrepender!
      Beijos.

      Excluir
  2. Adorei seu blog, estou seguindo para não perder as novidades

    Bjss linda, meu blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Jana! Fico tão feliz que tenha gostado, de verdade! Faço com muito carinho.
      Um grande beijo.

      Excluir
  3. Olha estava bem procurando por uma série nova, e abri o seu post, fiquei curiosa por essa série.
    Vou procurar mais.
    Beijo

    www.tecontopoesia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa série é ótima, Camila! Se você assistir, depois me fala o que achou!
      Beijos.

      Excluir
  4. Que incrível a premissa dessa série. Já era a hora de criarem algo sobre esse assunto que não atraísse apenas pessoas que querem cenas de sexo.

    literarizei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Sim... a abordagem dela é incrível e o desempenho dos atores mais ainda. Levanta várias questões muito pertinentes ainda hoje. Eu adoro!

    ResponderExcluir
  6. A série é uma adaptação do livro “Masters of Sex: The Life and Times of Willian Masters and Virginia Johnson”, que são interpretados por Michael Sheen e Lizzy Caplan. A excelente série de Masters of Sex é definido na década de 1950 e 1960 e é uma grande televisão proposta na pesquisa sobre a sexualidade humana e da relação desses cientistas, William Masters e Virginia Johnson. Foi lançado em 2013 e está atualmente em sua quarta temporada terá 12 episódios que não pode perder. Tem sido dito que a série vai durar seis temporadas para que os fãs ainda têm muito para desfrutar.

    ResponderExcluir