[LIVRO] Segredos de Uma Noite de Verão

Segredos de Uma Noite de Verão (Quadrilogia As Quatro Estações do Amor #1)
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Páginas: 285
Classificação: 4/5

"Apesar de sua beleza e de seus modos encantadores, Annabelle Peyton nunca foi tirada para dançar nos eventos da sociedade londrina. Como qualquer moça de sua idade, ela mantém as esperanças de encontrar alguém, mas, sem um dote para oferecer e vendo a família em situação difícil, amor é um luxo ao qual não pode se dar.
Certa noite, em um dos bailes da temporada, conhece outras três moças também cansadas de ver o tempo passar sem ninguém para dividir sua vida. Juntas, as quatro dão início a um plano: usar todo o seu charme e sua astúcia feminina para encontrar um marido para cada, começando por Annabelle."
 
 Quem acompanha o blog deve ter percebido que minhas duas últimas leituras foram um tanto quanto pesadas/sanguinárias/tétricas. Estava precisando ler algo leve pra descontrair e este livro estava me chamando aqui na estante. Gosto muito de romances de época e este foi uma aposta certeira.  

 A família Peyton está falida após a morte do pai e, apesar de ser uma das mais lindas garotas da sociedade, Annabelle não consegue um casamento pois não possui dote. Depois de algumas temporadas fracassadas, ela conhece outras três "solteironas" que acabam se tornando suas amigas: Evie Jenner, uma tímida e insegura jovem que é oprimida pela tia super rígida, e as irmãs Lillian e Daisy Bowman, americanas de uma família riquíssima porém emergente, o que era malvisto na época e, consequentemente, o motivo de não conseguirem um "bom partido".
 Você não é ninguém se não for casada com um nobre. Na Inglaterra, a nobreza é tudo. Ela determina como os outros vão tratá-la, as escolas que seus filhos irão frequentar, os lugares a que será convidada... Determina todos os aspectos da sua vida. - Annabelle Peyton, pág 61 -
  As quatro combinam de arquitetar planos para que todas consigam um bom casamento e a primeira da lista é Annabelle, por ser mais velha e estar quase na idade de ficar pra titia. Porém, elas não contavam com um grande e musculoso e lindo e sexy inconveniente, Simon Hunt, filho de açougueiro que tornou-se muito rico fazendo investimentos na área de transportes ferroviários, um tipo que era automaticamente excluído da elite londrina por não possuir nenhum título de nobreza. A história se passa em meados de 1840, temos um vislumbre da decadência da aristocracia e economia agrária e ascensão da indústria e mercantilismo e como essa transição era temida pela nobreza, que não conseguia se adaptar à nova realidade. Simon representa justamente essa nova era industrial, arrojado e visionário como é, ele enriquece cada vez mais.
Annabelle sorriu com tristeza perguntando-se como explicar à mãe que, por tudo que havia visto e ouvido, o processo de expansão industrial estava apenas no estágio inicial - e as coisas nunca mais voltariam a ser como antes. - pág 232 -
  Simon é totalmente obcecado por Annabelle e, no princípio da história, cheguei a ficar um pouco incomodada com a forma com que ele persegue a moça por todos os cantos. A garota rechaça todas as investidas de Simon, apesar de sentir-se visivelmente atraída por ele conforme repara melhor em seus atributos físicos e intelectuais. Ela está convencida de que o rapaz está interessado apenas em divertir-se com ela e, por isso, concentra-se em tentar "fisgar" um nobre insosso que garanta o sustento de sua família e lhe proporcione um intenso convívio social com a nobreza.

 A relação das quatro amigas é um ponto fortíssimo de destaque no livro, por sua imensa fidelidade, principalmente. Elas se unem com um objetivo em comum mas ao longo do projeto acabam refletindo sobre a situação da mulher (de forma rápida e discreta, obviamente) e até que ponto fazer parte da nobreza é importante. Questões como o fato dos homens terem liberdade de vestir roupas confortáveis e não serem tão cobrados em relação à aparência e recato passam pela cabeça das garotas. Fora isso, suas aventuras e descobertas nos rendem boas risadas. Minha personagem favorita é Lillian, sem sombra de dúvidas! Ela é irreverente, questionadora e não se deixa intimidar pelos homens. Não liga muito para convenções e causa até alguns constrangimentos para as amigas devido a sua língua ferina.
Amigas de verdade não se importam em segurar sua cabeça enquanto você põe os bofes para fora. - Daisy Bowman, pág 111 -
 O livro possui muitos alguns clichês óbvios do gênero, como a mocinha pobre que odeia/ama o personagem rico e cafajeste, porém não deixa de ser MUITO cativante! Confesso que era difícil largar a leitura para ir dormir, ficava com uma curiosidade enorme de saber quais seriam os próximos passos das quatro garotas e como Simon faria para driblar a resistência de Annabelle. Ah, um aviso importante: não deixem as crianças lerem este livro, pois da metade até o final ele é bastante apimentado, se é que me entendem... 
 Desejava abrir caminho em meio às roupas dele - desejava que ele a beijasse até fazê-la perder os sentidos. Desejava o desprezível, arrogante, sedutor e diabolicamente belo Simon Hunt. - pág 190 -


O próximo volume da série está com lançamento previsto para dia 11/02/2016 e será sobre a trajetória de Lillian em busca de seu marido ideal. Nem preciso dizer que estou super ansiosa, né?! E vocês? Me contem aí nos comentários!

>> Onde comprar: SubmarinoAmazon

 Beijocas!


 

14 comentários:

  1. Adoro demais (demais mesmo) esse livro <33 Tanto que até relevei os clichês da narrativa e o fato de Simon correr atrás da mocinha igual doido ahaha Tbm acho que o relacionamento entre as garotas são o ponto forte do livro e espero ansiosa os outros volumes da série (sem falar q adoro a capa desses romances).
    Adorei a resenha, é smp bom relembrar esse livro .)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, Beatriz!
      Mal posso esperar pela continuação.
      Beijos.

      Excluir
  2. oi, oi.

    Eu conheci essa série no idioma original (mas só tinha lido o primeiro), então fiquei super feliz quando soube que a Arqueiro ia trazer essa maravilhosa série, não tem como não se apaixonar pela Lisa, no momento estou lendo a série dos Hathaways e amando, logo engato nesses segredos.

    Amei a resenha, não vejo a hora de começar a leitura. Abraços.

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já ouvi falar tanto dessa série, os Hathaways, que estou super curiosa pra saber como é!
      Beijo!

      Excluir
  3. No início esses livros da Lisa Kleypas não me chamavam muito a atenção, mas ultimamente tenho tido vontade de ler. Parece ser um daqueles clichês bonzinhos de ler, que a gente já sabe o final mas que divertem mesmo assim. Acho que vou dar uma chance :)

    Tami
    Gaveta Abandonada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu li com esse intuito, de dar uma relaxada, e ele foi perfeito pra isso. A história é levinha e divertida. Muito legal!
      Beijos.

      Excluir
  4. Esse livro faz muito o estilo de um amigo meu, vou mostrar pra ele! Beijos!

    Me chama de Bella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mostra sim, Bella. Acho que ele vai adorar!
      Beijos.

      Excluir
  5. Eu amo séries, as histórias dos personagens se entrelaçando é muito legal, porque acabamos vendo como ficou o casal do livro anterior. Essa série eu quero ler, mas acho que vou esperar um pouco mais, porque detesto ter que ficar esperando lançamento quando estou muito ansiosa pela continuação.

    Beijinhos.

    http://true-luv.com/inolvidable/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, também não curto essa espera, não. Mas agora não tenho mais escapatória, já li esse e estou louca pelos próximos! :(
      Beijos!

      Excluir
  6. Oi Fê, até ano passado não tinha lido nenhum romance histórico acredita? Estou ficando apaixonada por este gênero! Tenho muita vontade de conhecer a escrita da Lisa Kleypas e já gosto de personagens que se amam e se odeiam haha. Amei a resenha <3.

    Beijo grande,
    http://queremosmaislivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Débora! mentira que você demorou isso tudo pra ler romances históricos?! Nossa, eu sempre gostei muito desse gênero! Esse foi o primeiro que li da Lisa e fiquei encantada com a escrita dela, acho que você vai adorar!
      Beijão!

      Excluir
  7. Já passei por esse drama de ler livros muito pesados e precisar de um romance para acalmar os nervos hahaha gostei muito da resenha, até coloquei o livro na minha listinha de livros que eu quero ler.

    literarizei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Mi!!! Leia sim (e faça uma resenha lá no seu blog depois pra eu ver o que você achou! Heheheheh).
    Beijos.

    ResponderExcluir